top of page

IMDH RECEBE MOÇÃO DE APLAUSOS POR OPORTUNIZAR AOS PAULOAFONSINOS MESTRADO EM ENSINO

No ultimo dia 14 de setembro, em sessão pública, a Câmara Municipal de Vereadores de Paulo Afonso reconheceu a importância da parceria entre as instituições entre a Universidade do Vale do Taquari (UNIVATES) e o Instituto Mandacaru de Desenvolvimento Humano (IMDH) por meio de Moção de Aplausos destinada ao IMDH. Em documento, os vereadores destacam que a entrega da moção acontece “em reconhecimento ao Instituto Mandacaru de Desenvolvimento Humano pelas relevantes contribuições para a educação na cidade e por ser a primeira a trazer o Mestrado em Ensino para Paulo Afonso pela Universidade do Vale do Taquari - Univates”.

“A qualificação dos processos de ensino e de aprendizagem, em todos os níveis de ensino, constitui-se como prioridade para a expansão dos conhecimentos científicos e tecnológicos”, ressaltam os vereadores em documento entregue com a proposta da moção ao IMDH e à Univates. “O Mestrado e o Doutorado em Ensino assumem importante papel ao alinhar-se à perspectiva que pensa a educação. Nessa ótica, pensar em formação docente implica impacto no campo científico e tecnológico de um país”.


O presidente do Instituto Mandacaru de Desenvolvimento Humano, padre Gilmar Maranduba Costa Conceição, informa que o PCI com a Univates possibilitou aos alunos da região a realização de um sonho. “Ao tempo que apresentou estudos realizados em uma área não muito estudada na região, o mestrado em Ensino é novidade por aqui, e na contemporaneidade o resgate do papel do ensino é extremamente necessário. As pesquisas em curso envolvem um número de pessoas que vai além dos mestrandos, disseminando as contribuições desta parceria já reconhecida para a sociedade”, explica ele.


A estudante Maria Aparecida Ribeiro Alves de Oliveira é educadora na Rede Municipal de Ensino de Paulo Afonso há 24 anos. “Atualmente ocupo a posição de Coordenadora Pedagógica e estou envolvida na formação dos professores. Durante esse tempo, tenho testemunhado o desejo dos docentes pauloafonsinos de concluir um mestrado e

doutorado. A falta de oportunidades é o principal obstáculo que impede muitos deles de perseguir esses objetivos acadêmicos, pois o mestrado mais próximo está em Aracaju, o que torna difícil conciliar estudos e trabalho”, explica ela. “Graças à iniciativa do Instituto Mandacaru e da Univates, tive a oportunidade de realizar esse sonho, assim como meus colegas de Salvador, Santa Brígida e Garanhuns que também fazem parte desta turma de mestrado em Ensino. Alguns de nossos colegas já passaram pelo processo de qualificação em uma universidade renomada em pesquisas, o que me permite agora me considerar uma pesquisadora. Esse processo de construção de conhecimento está abrindo novos horizontes e possibilidades para que eu possa contribuir ainda mais com a educação em Paulo Afonso”.

A estudante Ana Paula Lima Pereira da Silva diz que, “como mestranda no PPGEnsino, resultado da parceria entre o IDMDH e a Univates, quero enfatizar a importância de termos um mestrado brasileiro aprovado pela Capes em nossa cidade, Paulo Afonso. Isso é significativo não apenas para mim, mas também para a educação local. Muitos colegas que fizeram mestrado no exterior enfrentam desafios para obter o reconhecimento no Brasil, enquanto nós já saímos com nosso título oficialmente reconhecido pelo MEC, o que é gratificante para educadores como nós”, acrescenta ela. “Além do título de mestre, destaco a riqueza de conhecimento adquirida durante o primeiro ano de estudos intensos, com aulas ministradas por professores renomados que vieram de outras regiões para contribuir com nossa formação. Hoje, como professora pesquisadora imersa em um ambiente acadêmico de alto nível, me sinto privilegiada por ter alcançado esse patamar após muita dedicação, sabendo que muitos desejariam estar cursando o mestrado. Agradecemos pelo reconhecimento e esperamos que novas oportunidades surjam para que outros também possam vivenciar essa experiência na Educação de Paulo Afonso”.

A Moção de Aplauso foi uma proposição do Vereador Valmir Rocha, e trata-se da quarta moção de Aplausos concedida pela Câmara Municipal de vereadores de Paulo Afonso /BA.

A terceira moção foi concedia por proposição do Vereador Marconi Daniel , pela oferta de Cursos Profissionalizantes Gratuitos em Paulo Afonso/BA, no ano de 2021.

A segunda moção de aplausos foi proposta pelo vereador Jean Roubert , no ano de 2018, e foi entregue ao Instituto Mandacaru de Desenvolvimento Humano – Polo Paulo Afonso, na noite de 06/06/2018, durante entrega de certificados aos concluintes dos cursos

profissionalizantes oferecidos pelo instituto , a Moção de Aplausos n ° 236/2018, foi um reconhecimento ao Instituto pela implantação e realização dos cursos técnicos e profissionalizantes, proporcionando aos pauloafonsinos a oportunidade de qualificação profissional. “A Câmara Municipal é a legítima representante do povo, e tem dentro de suas honrarias a possibilidade de externar Moção de Aplausos por relevantes serviços que entidades, órgãos e segmentos possam estar prestando a sociedade. Essa honraria reconhece o resultado de tudo que foi apresentado nesta noite, todos os que aqui estão formados, professores que se empenharam para esse trabalho social educativo, estamos reconhecendo de forma justa, digna e ímpar esse trabalho social e espiritual”, Jean Roubert.

A primeira moção de aplausos fou concedida ao Instituo no ano de 2015. de autoria do Vereador Marconi Daniel,pela realização do projeto ambiental " Cuidando da Criação", na realização de palestras e distribuição de mudas e sementes.















33 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page